II COMUNICADO ALIANÇA DAS ORGANIZAÇÕES DO MOVIMENTO IPEREG AYU

Continuamos a ser atacados. Os serviços públicos não funcionam, Jacareacanga é cidade sem lei.

Os caciques precisam ser respeitados na sua decisão. Os bandidos não podem ser soberanos mais do que os Caciques.

Queremos denunciar o que estamos vivendo, estamos indo pra Brasília para denunciar todas as ameaças que estamos vivendo. Não estamos conseguindo sair. Nossos caciques estão presos no município.

Na manhã do dia 9 de junho no município de Jacareacanga, o ônibus que iria buscar nosso comitiva do Alto Tapajós para levar à Brasília foi atacado, teve seus pneus furados e o motorista foi ameaçado, se não saísse da cidade o ônibus iria ser queimado. Não havia ninguém no ônibus.

Nossa comitiva do alto Tapajós está proibida de seguir viagem.

Responsabilizamos o estado Brasileiro caso aconteça alguma coisa com todos. Não nos protegeram em situação de ameaça constante, não garantiram reforço policial no município de Jacareacanga. Nunca teve reforço policial no município continuamos sendo atacados, mesmo informando, pedindo policiamento, pedindo apoio.

Queremos manter nossa viagem, para denunciar, para falar com os ministros. Estamos em um grupo grande do nosso movimento de resistência Ipereg Ayu, sofrendo ameaças aos arredores de Jacareacanga, sabemos que eles estão armados e nós não. Informamos a todos o que estamos vivendo para que possam nos ajudar.

24 comentários em “II COMUNICADO ALIANÇA DAS ORGANIZAÇÕES DO MOVIMENTO IPEREG AYU

  1. Os povos originários tem assegurado na lei cd 1988 Art.231. Permanência e respeito á cultura e território. Com o podem invadir terra alheia. Isso é grilagem. É espulhopossessorio. É a justiça não age? Governo federal é responsável dessa violação. Fora Garimpeiros já

    Curtir

  2. Apoio o Povo Munduruku em sua luta contra o garimpo e todos os ataques que afetam sua soberania sobre o território indígena.
    Gostaria muito de saber se a floresta onde fica a Gleba São Benedito entre Jacareacanga e Itaituba na divisa com Mato Grosso, é terra indígena? Porque está em processo a criação de uma Unidade de Conservação estadual de uso sustentavel, onde funcionam várias pousadas com pesca esportiva nesse território. Tem os Kayabi e Apiacás lá e não estão sendo consultados.

    Curtir

  3. Pingback: Onze de Maio

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
%d blogueiros gostam disto: